Visita ao lago Fagnano e Escondido

Ao atravessar a cordilheira desde Ushuaia, a ilha Grande surpreende com impactantes paisagens naturáis presididos pelos lagos Escondido e Fagnano.
Depois de desfrutar das atrações da cidade, decidimos deixar de olhar ao mar para voltar a contemplar a cordilheira e explorar outros lugares da ilha. Cedo pela manhã, saímos da capital provincial pela rodovía nacional 3 para o norte deixando atrás o vale de Tierra Mayor (Terra Maior) e o ingresso ao centro de esqui Cerro Castor.

Os turbales estendíam-se aos lateráis da rodovía e entanto avançavamos entre curva e curva atravessávamos os andes fueguinos. Mas o cruzamento mesmo é o Paso Garibaldo, um dos pontos mais interessantes do percurdo, localizado a 450 m.s.n.m. Só tínhamos afastado 60 km da cidade cuando surpreendeu-nos o Lago Escondido, no meio da cordilheira no pé do Garibaldi.
  • Paisagens naturais deslumbrantes

    Paisagens naturais deslumbrantes

  • A aventura

    A aventura

  • O lago é incrivelmente bela

    O lago é incrivelmente bela

  • Apenas a uma hora do juízo final cidade

    Apenas a uma hora do juízo final cidade

  • O tempo de trânsito

    O tempo de trânsito

A beleza desse espelho de água e toda a paisagem que rodéia são verdadeiramente impactantes. Paramos na sacada para tirar algumas fotos e observar tudo com mais tranquilidade. Depois continuamos o zigzague do caminho que rodeia os muros da montanha até a outra ponta do lago, onde funciona a serraria Bronzovic. A chaminé que fumega constantemente manifesta a explotação forestal intensiva que resliza-se na zona e que constitui a principal atividade econômica do centro da ilha.

A rodovía já tinha começado o descenso e avandonava as montanhas para entrar no planalto. Cuarenta km mais estava a cabeceira do lago Fagnano, que com 100km de comprimento é o mais grande de Tierra del Fuego, além de um excelênte cenário para a pesca.

Um pouco mais para a frente

Pela beira do lago chega-se até a pitoresca localidade de Tolhuin, que cresce aos pés do cerro Michi. Antes de continuar, vale a pena fazer uma parada no passeio para beber um cafezinho na conhecida padaria La Union ou descansar na hosteria Kaiken, que oferece a melhor postal do Fagnano. Pela sua privilegiada localização geográfica entre a cadeia montanhosa e a planície, Tohuin goza de um micro-clima que distingue de outros lugares da ilha. A isso soma-se o encanto do bosque nativo que cresce no aoredor que que pode se conhecer através de cavalgadas, caminhadas, mountain bike e outras atividades de aventura.

Outra excelênte opção é continuar para o norte pela rodovía nacional 3; a 35 km de Tolhuin começa à esquerda a rota complementária H, que leva aos lagos Chapelmut e Yehuin, outros dois prezados recantos naturais que também desfrutam-se passando alguns dias nas fazendas da zona.
Leia passeio completo... Pablo Etchevers / Pablo Etchevers

Dados úteis

Tipo de tour: Contemplativo

A considerar: Esse setor da rodovía nacional 3 apresenta muitas curvas fechadas, dirija com precaução e pare só em lugares indicados.

Contato

Hostería Kaikén
Ruta 3 Km. 2958, (9420) , Tolhuin, Tierra del Fuego
Tel: +54 2964-492372 Cel: +54 9264-615102
E-mailWeb

Dirección de Turismo
Santiago Rupatini N° 285, (9420) , Tolhuin, Tierra del Fuego
Tel: +54 2901-492125
E-mail


Welcome Argentina - O que fazer em Ushuaia?

© 2003-2020 Proibida sua reprodução total ou parcial. Derechos de Autor 675246 Ley 11723