De helicoptero pela cidade

Prepare a sua cámara fotográfica e abra bem seus olhos. Vistas únicas sobre a city portenha farão disparar uma infinidade de clicks.
Na Rodoviária sul do Aeroparque (Sarmiento com Lugones) aguardava um experimentado piloto para nos embarcar num helicoptero Robindon 44 com capacidade para 3 pessoas e o seu comandante. Um vôo suave e prazeiroso, num céu azul claro e aberto, levou-nos a conhecer os tetos portenhos.

Na decolagem, o helicóptero mostrou o Aeroparque com seun hangares e aviões estacionados. Depois, o ferrocarril Mitre apareceu em miniatura, como uma grande maquete com seus trens de brinquedo.

Alaranjadas canchas de tênis, os jardins e as verdes águas do lago de El Rosedal, os amplos campos do hipódromo e as canchas de pólo, o circular planetário, o monumento aos Espanholes dividendo o trânsito das avenidas del Libertador e Sarmiento, os caminhos do Zoo de Buenos Aires e as chamativas pontes do Jardim Japonés formavam uma visão poco comum dos Bosques de Palermo.
  • Ponte da Mulher e a Fragata Sarmiento

    Ponte da Mulher e a Fragata Sarmiento

  • Enegrecido Riachuelo

    Enegrecido Riachuelo

  • Bairro de Retiro

    Bairro de Retiro

  • Jardim Japonés

    Jardim Japonés

  • El Caminito

    El Caminito

  • Praça de Maio

    Praça de Maio

Mais para a frente, com rumo sul, voando a uns 200 kilómetros por hora e a uns 150 metros de altura, depois de passar por cima do bairro de La Recoleta, chegamos à altura da 9 de Julio. Aquí o piloto interrompeu uns instantes seu rumo para poder olhar com mais detalhe a avenida e o seu particular obelisco, lá, ao longe.

Continuando o caminho esperava o bairro de Retiro, com a sua particular Torre de los Ingleses, rodeiada pelas estações ferroviárias e o hotel Sheraton. Depois, já em Puerto Madero, novos e luxuosos prédios decoravam essa zona que uma década atrás estava quase avandonada. A Puente de la Mujer (Ponte da Mulher) e a Fragata Sarmiento destacam-se como dois das atrações turísticas a conhecer.

Levantando a vista, observamos o Rio de la Plata banhando as muralhas do porto e da Reserva Ecológica Costanera Sur.

Continuando o vôo arribamos ao popular bairro de La Boca. As arquibancadas azuis e amarelas da “Bombonera” (estádio do clube Boca Juniors), o tradicional passeio El Caminito -com seus bares, artistas plásticos e colorida arquitetura-, o enegrecido Riachuelo e as pontes que atravessam para vincular a capital com os bairros do Grande Buenos Aires são os pontos mais longe que vimos no passeio.

Aquí a nave desviou seu rumo para voltar a Aeroparque. A nossa esquerda, víamos a Casa Rosada e a Plaza de Mayo (Praça de Maio), os modernos prédios de Catalinas, a praça San Martin e o monumento aos quedos em Malvinas. Antes de aterrissar, a Recoleta, com seu clásico cemitério e seus amplos parques, mostrou a curiosa flor metálica móvel do Eduardo Catalano, “Floralis Genérica”.

Um descenso suave e paulatino pousou-nos novamente sobre a plataforma sul do Aeroparque Metropolitano. Esse é um dos vários helitour que podem se contratar na cidade de Buenos Aires. Uma forma diferente e deslumbrante de conhecer uma cidade que está conformada por imponentes prédios, monumentos, parques e um grande espelho de água como é o Rio de la Plata.
Leia passeio completo... Pablo Etchevers / Santiago Gaudio

Dados úteis

Duração: 15 minutos.

A considerar: Também podem se contratar vôos sobre os canais do delta de Tigre e vôos a estâncias na provincia de Buenos Aires para passar um particular dia no campo. Apto para qualquer idade.

Contato

Patagonia Chopper
Av.Maipú 2680 piso 4, of. 4A, , Ciudad de Buenos Aires, Ciudad de Buenos Aires
Tel: +54 11-52192768
E-mail


Welcome Argentina - O que fazer em Cidade de Buenos Aires?

© 2003-2020 Proibida sua reprodução total ou parcial. Derechos de Autor 675246 Ley 11723